Polícia Civil indicia motorista que deu ‘cavalo de pau’ no Centro de Vitória

O motorista foi filmado realizando a manobra três vezes, sempre no cruzamento das ruas Padre José de Anchieta e 23 de Maio, no entorno do Parque Moscoso

0
Motorista realiza manobra perigosa em via próxima ao Parque Moscoso (Foto: Reprodução)

Um homem de 36 anos foi indiciado pela Polícia Civil, nesta segunda-feira (26), por ter sido flagrado realizando manobras perigosas em uma rua próxima ao Parque Moscoso, no Centro de Vitória, em setembro deste ano.

O indiciamento é de autoria da Delegacia de Delitos de Trânsito (DDT) e vem a cabo do inquérito policia instaurado no mês passado, depois que câmeras de videomonitoramento registraram o ocorrido.

O condutor foi intimado para prestar esclarecimentos. “Em depoimento, ele confessou a prática delituosa, mas não explicou o motivo pelo qual realizou as manobras”, disse o titular da DDT, delegado Maurício Gonçalves.

O motorista foi filmado realizando a manobra três vezes, sempre no cruzamento das ruas Padre José de Anchieta e 23 de Maio, no entorno do Parque Moscoso. A primeira, em 9 de setembro, a segunda e a terceira no dia 21 de setembro.

A investigação foi concluída na última quinta-feira (22). O motorista foi indiciado três vezes, pelo crime previsto no artigo 308 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB): participar, na direção de veículo automotor, em via pública, de exibição ou demonstração de perícia em manobra de veículo automotor não autorizada pela autoridade competente, gerando situação de risco à incolumidade pública ou privada.

A pena prevista para este tipo de crime é detenção de seis meses a três anos, multa e suspensão ou proibição de se obter a permissão ou a habilitação para dirigir veículo automotor. Ele responderá ao processo em liberdade.

Durante as investigações, a equipe da DDT descobriu que este motorista já teve a CNH suspensa quatro vezes, sendo a primeira em 2005, por cometer o mesmo crime pelo qual responde agora. O titular da DDT representou pela suspensão da habilitação novamente.

“A Delegacia vem se empenhando, junto com outras instituições, inclusive por meio do Programa Força Pela Vida, com o objetivo de combater infrações administrativas e criminais, com blitze semanais em diversos municípios. Quando você assume a direção de um veículo automotor, deve ter a consciência de que você assume riscos sobre a sua vida e a de terceiros. Então fica sempre esse pedido: que coloque mais humildade e mais amor na condução de um veículo e pense nas vidas alheias”, concluiu o delegado.

*Com informações da Polícia Civil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui