Governo libera até 100 torcedores em estádios e ginásios do Espírito Santo

A medida leva em conta a melhora no quadro geral apresentada no 23° Mapa de Risco da Covid-19 em que apenas três municípios encontram-se em risco moderado e 75 em risco baixo

0
Foto: Alberto Borém/Vitória FC

Estádios e ginásios poderão receber até 100 torcedores durante competições esportivas realizadas no Espírito Santo, desde que sejam respeitadas regras, dentre elas, a delimitação da ocupação dos espaços com uma pessoa a cada 10 metros quadrados, com a garantia de controle do fluxo do público presente.

A medida foi publicada neste sábado (19), em edição extra do Diário Oficial do Estado (DIO), e leva em conta a melhora no quadro geral apresentada na última sexta-feira (18), no 23° Mapa de Risco da Covid-19 do governo, em que apenas três municípios encontram-se em risco moderado e 75 em risco baixo. A partir de segunda-feira (21), a nova classificação, também publicada no DIO, entra em vigor juntamente com a flexibilização nas praças esportivas capixabas.

De acordo com a Portaria n° 186-R, assinada pelo secretário de Estado da Saúde (Sesa), Nésio Fernandes, organizadores das competições devem estudar a possibilidade de que atletas usem máscaras, além de respeitar outras recomendações de higiene e para evitar a disseminação do novo coronavírus durante os eventos.

Há recomendações ainda para evitar que muitas pessoas circulem entre os acessos internos exclusivos para juízes e jogares, como, por exemplo, vestiários. Os locais deverão ser acessados com o menor número possível de funcionários dos clubes, membros da comissão técnica e de arbitragem, bem como delegados e responsáveis por controle de dopping, além de profissionais de imprensa e demais trabalhadores envolvidos nas partidas.

Também é responsabilidade dos organizadores dos eventos: criar formas alternativas de fornecer informações técnicas, entregar identificadores de atletas (números e nomes), chips e demais materiais para minimizar a interação social antes da competição.

Estádio do São Mateus, o Sernamby, que recebe o Rio Branco-VN pelas quartas de final do Capixabão 2020 (Foto: Divulgação)

Dentro dos campos ou das quadras: evitar cumprimento entre atletas, que deverão assinar termo de compromisso para não participar dos jogos e demais eventos caso apresentem sintomas de gripe. Para hidratação, os clubes terão de fornecer garrafas individuais ou, se impossibilitado, utilizar copos descartáveis. Em caso de premiações, estas deverão ocorrer individualmente e sem palcos.

Para acesso dos torcedores, o fluxo deverá ser organizado em sentido único, com indicações em cartazes e marcações nos pisos ou outras formas de sinalização e orientação, além de disponibilizar dispensadores de álcool em gel nas instalações do estádio ou ginásio. O público também deve seguir as orientações de saúde determinadas pelos governos estadual e federal e pela Organização Mundial de Saúde (OMS), tais como uso de máscaras e distanciamento social de 1,5 metro. É recomendado também que integrantes de grupos de risco para a Covid-19, como menores de 5 anos e idosos a partir de 60 anos, não frequentem esses eventos.

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui