Idalécio disputa com Hércules, mas aceita vice de chapa e aponta falta de ética na gestão Max

Com duras críticas à gestão Max Filho, da qual fez parte e ajudou a eleger em 2016, Idalécio Carone acusa falta de ética do 'prefeitinho', como chama o secretário Saturnino de Freitas Mauro

0
"Eu votei no prefeito, mas o prefeito não manda na Prefeitura. 'Prefeitinho' é o tio do prefeito [Saturnino], que eu vejo até falta de ética. Eu vejo como falta de ética ele tá ali usando esse papel prefeitinho" - Foto: Reprodução/Movimento Online

O empresário Idalécio Carone, 73, quer voltar à Prefeitura de Vila Velha. Ainda na expectativa da convenção municipal do MDB, que acontece na próxima terça-feira (15), estará na disputa da cabeça de chapa com o presidente do partido na cidade, o deputado estadual Hércules Silveira, embora não tenha muitas esperanças de sair vitorioso e se dando por satisfeito com o posto de candidato a vice-prefeito.

Apesar de já ter feito parte da atual gestão do prefeito Max Filho (PSDB), tendo atuado ao lado do parlamentar para eleger o tucano em 2016, Idalécio deixou o comando das secretarias que geria e hoje é opositor ferrenho do ex-aliado. Com duras críticas ao modo Max de conduzir o Executivo, a quem acusa de deixar as tomadas de decisões sob os cuidados do tio, o secretário de Governo e Coordenação Institucional, Saturnino de Freitas Mauro, o empresário acredita ter perdido o cargo por questões de ego.

Eu votei no prefeito, mas o prefeito não manda na Prefeitura. ‘Prefeitinho’ é o tio do prefeito [Saturnino], que eu vejo até falta de ética. Eu vejo como falta de ética ele tá ali usando esse papel prefeitinho”, declara o empresário.

Entre as propostas para Vila Velha, Idalécio Carone se apega à intenção de atrair investimentos privados, estaduais e federais ao município, estimulando assim a geração de renda e emprego. Para tanto, garante ter boas relações no meio empresarial e político a nível capixaba e nacional.

Confira a seguir a entrevista completa:

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui