Em solicitação unificada, prefeitos do Sul do ES pedem reabertura do comércio não essencial aos sábados

Eles pretendem se reunir com os prefeitos de outros municípios do Estado que possuam população de até 50 mil habitantes para endossar o pedido ao Governo

0
Prefeitos do Sul do Estado pedem reabertura do comércio não essencial aos sábados. Foto: Divulgação

Prefeitos de cidades do Sul do Espírito Santo estão unidos para defender a abertura dos comércios não essenciais nos sábados. Cinco gestores e dois representantes se encontraram nesta segunda-feira (6), em Venda Nova do Imigrante, com o objetivo de enviar um documento para o governador do Estado, Renato Casagrande, solicitando a flexibilização.

A iniciativa foi encabeçada pelos prefeitos de Venda Nova do Imigrante, Paulinho Minetti e de Conceição do Castelo, Cristiano Spadeto. Na reunião participaram ainda Luciano Pingo, de Ibatiba, João Lourenço, de Brejetuba, Domingos Fracalossi, de Castelo, e os representantes de Irupi e Domingos Martins.

Um dos participantes deste movimento, o prefeito de Ibatiba, Luciano Pingo, reforçou que não há intenção de enfrentar o Governo e sim criar alternativas para conciliar a saúde com a economia.

“Essa foi uma iniciativa dos prefeitos de Venda Nova e Conceição do Castelo e nós nos unimos porque estamos tentando um equilíbrio. Sabemos que a prioridade é a vida, mas estamos pedindo a abertura desse comércio não essencial aos sábados porque sabemos das dificuldades do meio empresarial. Aqui em Ibatiba, por exemplo, temos uma grande parte da população trabalhando na colheira de café, de segunda a sexta. Então essas pessoas só podem ir ao comércio, seja numa loja de roupa, numa papelaria, aos sábados”, destaca Luciano.

Também foi deliberado na reunião com os prefeitos que os outros municípios do Estado com até 50 mil habitantes também serão procurados para unir forças na demanda. Segundo os representantes, todas as medidas sanitárias recomendadas para a abertura do comércio deverão ser cumpridas.

Vale lembrar que a gente pede a reabertura aos sábados, mas com todas as exigências sanitárias requisitadas, como uso de máscara, álcool em gel, distanciamento social dentro dos locais, por exemplo. Serão seis horas de comércio durante o sábado”, acrescentou o prefeito de Ibatiba.

Uma nova agenda será realizada nos próximos dias para reforçar a solicitação deliberada na última segunda-feira (6).

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui