Gripe: Vitória abre novos agendamentos on-line para vacina nesta quarta-feira

A secretaria municipal de Saúde garante que todas as 124.700 pessoas do público-alvo da campanha em Vitória serão imunizadas

0
Vacinação contra gripe - Foto: André Sobral/PMV

A Secretaria Muncipal de Saúde (Semus) recebeu, nesta quarta-feira (25), sete mil novas doses de vacinas contra gripe, reabrindo o agendamento on-line para a marcação da imunização nas escolas da rede municipal de ensino.

Neste momento, o agendamento está aberto no portal da Prefeitura de Vitória e no aplicativo Vitória Online apenas para idosos e profissionais de saúde.

Para marcar a imunização, basta clicar na categoria “Saúde” e depois selecionar o serviço “Vacinação Influenza”. A Semus garante que todas as 124.700 pessoas do público-alvo da campanha em Vitória serão imunizadas.

Vale ressaltar que as vacinas são distribuídas exclusivamente pelo Ministério da Saúde e a liberação de novas vagas no sistema para o agendamento on-line depende sempre da entrega dos novos lotes.

“O sistema foi configurado para que possamos imunizar todos sem filas, sem aglomerações e em segurança. Até o final da campanha, todos serão imunizados”, afirma a secretária de Saúde, Cátia Lisboa.

Locais de vacinação

A vacinação será realizada nas Escolas Municipais de Ensino Fundamental (Emefs) e Centros Municipais de Educação Infantil (Cmeis) localizados próximos às unidades de saúde de Vitória que possuem sala de vacinação:

• US Andorinhas – EMEF Izaura Marques da Silva
• US Alagoano – CMEI Sinclair Phillips
• US Centro – CMEI Ernestina Pessoa
• US São Pedro V – CMEI Zilmar Alves Mello
• US da Penha – EMEF Zilda Andrade
• US do Quadro – CMEI Odila Simões
• US Praia do Suá – EMEF Aristóbulo Barbosa Leão
• US Forte São João – CMEI Terezinha Vasconcellos Salvador
• US Grande Vitória – CMEI Eldina Maria Soares Braga
• US Consolação – CMEI Carlos Alberto M. de Souza
• US Ilha de Santa Maria – EMEF Irmã Jacinta Soares S Lima
• US Ilha do Príncipe – EMEF Moacyr Avidos
• US Itararé – EMEF Ceciliano Abel de Almeida
• US Jabour – EMEF Adão Benezath
• US Jardim Camburi – EMEF Elzira Vivácqua dos Santos
• US Jardim da Penha – EMEF Alvaro de Castro Mattos
• US Jesus de Nazareth – EMEF Edna de Mattos S Gaudio
• US Maria Ortiz – CMEI Rinaldo Ridolfi
• US Maruípe – EMEF Suzete Cuendet
• US República – CMEI Marlene Orlande Simonetti
• US Resistência – CMEI Anisio Spindula Teixeira
• US Santa Luiza – CMEI Zélia Viana de Aguiar
• US Santa Martha – EMEF Marieta Escobar
• US Santo Antônio – CMEI Darcy Vargas
• US Santo André – EMEF Tancredo de Almeida Neves
• US Ilha das Caieiras – EMEF Francisco Lacerda de Aguiar
• US São Cristovão – EMEF Professora Eunice P Silveira
• US Fonte Grande – vacinação acontece na própria unidade

Agendamento nas unidades

O agendamento na unidade próxima ao morador é somente uma opção, caso não seja possível concluir o agendamento pelo site em uma unidade por falta de doses a serem oferecidas no local, é possível agendar online em postos de saúde de outros bairros que ainda tenham dosagens da vacina disponíveis.

Acamados

A Semus mapeou os idosos residentes na capital que são acamados ou possuem mobilidade reduzida para serem imunizados em suas casas. Os agendamentos para receberem a dose da vacina serão feitos por meio dos agentes comunitários de saúde das unidades próximas às residências das pessoas idosas.

Vacinação escalonada

A campanha de vacinação contra a gripe de 2020 será escalonada, de acordo com o calendário do Ministério da Saúde.

• 1ª fase (a partir de 23/3) – Idosos com 60 anos ou mais e trabalhadores da saúde.

• 2ª fase (a partir de 16/4) – O sistema vai manter as doses para os idosos, mas também abrirá para professores das escolas públicas e privadas, profissionais das forças de segurança e salvamento, doentes crônicos e outras condições clínicas especiais.

• 3ª fase (a partir do dia 9/5) – Além dos primeiros grupos, crianças de 6 meses a menores de 6 anos, gestantes, puérperas (mães que tiveram bebês até 45 dias e apresentem algum documento que comprove a condição), povos indígenas, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas, população privada de liberdade, funcionário do sistema prisional e adultos de 55 a 59 anos também poderão agendar sua vacinação.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui