Casagrande pede agilidade em distribuição de testes e respiradores para o ES

Solicitações foram feitas ao Governo Federal nesta quarta-feira (25) e são, em grande parcela, para as áreas da saúde e economia

0
Foto: Hélio Filho/Secom

Em reunião com o presidente Jair Bolsonaro, o governador do Espírito Santo, Renato Casagrande, afirmou ter elogiado algumas medidas tomadas pelo governo federal e fez solicitações para auxílio no controle e combate ao novo coronavírus no Espírito Santo. Entre elas, a agilidade na distribuição de testes, respiradores e equipamentos de proteção individual (EPI).

As ajudas são em grande parcela para as áreas de saúde e economia. Foi pedido, por exemplo, o aumento de recursos para atendimentos de Assistência Social às pessoas mais pobres e necessitadas.

As vacinas contra o vírus Influenza também estariam próximas do término do estoque e é necessária para evitar a ocorrência de sintomas semelhantes ao do coronavírus e, no teste, ser descartada a possibilidade do diagnóstico de Influenza.

Entre as medidas econômicas, estão a solicitação para efetivar com mais rapidez a ampliação do Bolsa Família e a manutenção do Fundo de Participação dos Estados e dos Municípios.

Crítica ao pronunciamento do presidente

Casagrande se manifestou sobre o pronunciamento do presidente em uma rede social e considerou desconectado com as orientações de cientistas, da realidade do mundo e das ações do Ministério da Saúde.

Além disso, comentou que o discurso confunde a sociedade, atrapalha o trabalho de governadores e prefeitos, menospreza os efeitos da pandemia. Para ele, mostra que o país está sem direção.

Reunião apenas com governadores

Casagrande irá se reunir novamente com os governadores do país, por volta das 16h. Desta vez, sem a presença de Bolsonaro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui